Blog

Acesse o nosso blog e confira nossas publicações

Programa Nacional de Triagem Neonatal: Teste do Pezinho pelo SUS será ampliado e terá testagem para toxoplasmose congênita

 

No Dia Nacional do Teste do Pezinho, 6 de junho, uma conquista a ser comemorada é a inclusão do exame de TC – Toxoplasmose Congênita no PNTN – Programa Nacional de Triagem Neonatal oferecido pelo SUS – Sistema Único de Saúde ou Teste do Pezinho, como é conhecido popularmente.

Publicada em março deste ano no DOU – Diário Oficial da União, a medida prevê a efetivação do novo exame, em todo território nacional, até agosto de 2020.

Atualmente, o Teste do Pezinho pelo SUS possibilita o diagnóstico  de seis doenças: fenilcetonúria, hipotireoidismo congênito, anemia falciforme, fibrose cística, hiperplasia adrenal congênita e deficiência de biotinidase.

Com a exame de TC, ainda nos primeiros dias de vida, será possível ajudar milhares de recém-nascidos.

Um relatório apresentado pelo CONITEC – Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologias do SUS aponta que, a cada 10 mil nascidos, de 5 a 23 estão infectados com Toxoplasmose Congênita, sendo que destes mais de 80% não apresentam sinais clínicos evidentes ao nascer, mostrando a relevância da universalização do exame.

PROGRAMA DE TRIAGEM NEONATAL NO BRASIL

Desde a década de 1970, o Teste do Pezinho ou Teste de Guthrie é realizado no Brasil.

Em 2001, com a instituição do Programa Nacional de Triagem Neonatal pelo MS – Ministério da Saúde, o teste passou a ser obrigatório e oferecido gratuitamente pelo SUS.

No início do programa, a universalização da testagem era para a detecção de hipotireoidismo congênito e a fenilcetonúria.

Ao longo dos anos, novos exames foram sendo inseridos no PNTN: em 2006, o teste de hemoglobinopatias; em 2013, de Fibrose Cística; em 2014, de Hiperplasia Adrenal Congênita e de Deficiência da Biotinidase; e, até o final de 2020, a expectativa é que a testagem da Toxoplasmose Congênita também seja universalizada no país.

O TESTE DO PEZINHO EM NÚMEROS

Segundo os últimos indicadores divulgados pelo MS, o teste do pezinho abrange cerca de 85% dos recém-nascidos registrados no SINASC – Sistema de Informações sobre Nascidos Vivos; esses dados não incluem os exames realizados na rede suplementar de saúde.

Todos os anos, uma média de 2,5 milhões de brasileirinhos passam pelo Programa de Triagem Neonatal na rede pública.

Os testes são realizados em mais de 22 mil pontos de coletas localizados nas USF- Unidades de Saúde de Família, nas UBS – Unidades Básicas de Saúde, e nas maternidades em todo o Brasil.

De acordo com o Ministério da Saúde, como resultado do PNTN, em um período de cinco anos, mais de 17 mil recém-nascidos foram diagnosticados com alguma das doenças detectadas pela triagem. Hipotireoidismo congênito e a doença falciforme respondem por 77% dos casos.

O diagnóstico precoce de doenças nos recém-nascidos, somado aos cuidados durante a gravidez, com o pré-natal e realização de exames como o Ultrassom, Ecocardiografia Fetal, entre outros, são fatores decisivos na diminuição da taxa de mortalidade infantil e na garantia da saúde e qualidade de vida para os bebês.

Quer saber mais sobre os exames realizados nos primeiros anos de vida e durante a gravidez?

Faça os cursos online da Meddco Educação Continuada!

Curso de Ultrassonografia em Ginecologia e Obstetrícia

Curso teórico e prático de Ultrassonografia 3D

Curso de Doppler em Obstetrícia

Curso de Ecocardiografia Fetal

Curso de Medicina Fetal 1

Curso de Medicina Fetal 2

Curso de Medicina Fetal 3

Cursos Médicos de Pediatria

Cursos de Ultrassonografia Transfontanelar

Compartilhe

Veja também

A ARTE DE ENSINAR

A ARTE DE ENSINAR   Dr. Carlos Stéfano Hoffmann Britto é membro da Sociedade Brasileira de Ultrassonografia e do Colégio Brasileiro de [...]
+

Meddco lança novo site e ganha espaço em mídias digitais

A Meddco amplia sua presença na internet com seu novo site.   A Meddco amplia sua presença na internet com seu novo site. O objetivo, [...]
+

Os novos desafios do médico brasileiro

Os novos desafios do médico brasileiro Hoje, 18 de outubro, é celebrado o Dia do Médico, uma profissão que pela própria natureza da sua missão, [...]
+